DIA MUNDIAL DA LIMPEZA 2018


Esse ano o Dia Mundial da Limpeza foi especial. Participamos de uma ação que envolveu mais de 150 países onde milhares de pessoas se reuniram para realizar mutirões de limpeza em todo o mundo.

O Dia Mundial da Limpeza acontece todos os anos, no segundo sábado do mês de setembro. As ações ocorrem tanto em praias, quanto rios, praças, parques ou ruas que sejam pontos que acumulam lixo. A definição dos locais prioritários ocorre por um aplicativo de celular que as pessoas mapeiam regiões sujas.

 

Parte I

No sábado, dia 15/09, alguns de nossos colaboradores se voluntariaram para participar da ação de limpeza da praia de São Vicente, mais especificamente na Ilha Porchat, em parceria com a ONG Ecomov, LimpaBrasil e o Grupo De Escoteiros Do Ar – São Vicente. A ação começou às 10hs e terminou por volta das 15hs.

 

 

Parte II

No domingo, dia 16/09, completamos a ação com parte de nossa equipe de educação ambiental, no entorno do Parque da Independência, próximo ao Riacho Ipiranga. Conversamos com a população sobre a importância de não poluirmos o meio ambiente e distribuímos sacos de lixo para carro nos semáforos. A ideia dessa ação é ensinar e relembrar as pessoas de como nossas pequenas ações diárias impactam o meio ambiente, e fornecer uma alternativa viável e de uso sustentável para todos. Assim, este complemento atua com o objetivo de conscientizar as pessoas sobre o problema do lixo, mostrando que se não jogarmos, não seria necessário ter dias de limpeza.

 

 

Os problemas do lixo

O lixo nas grandes cidades, em rios e oceanos é um problema com proporções gigantescas. Não só atinge a população, como diversas espécies que ingerem objetos por confundi-los com alimento como foi o caso de uma baleia-piloto que morreu esse ano no sul da Tailândia após engolir 80 sacos plásticos.

 

Segundo cientistas, mais de 8 milhões de toneladas de plásticos acabam nos oceanos todos os anos e, nesse ritmo, haverá mais plástico do que peixes no oceano até 2050.

 

O lixo descartado incorretamente possui origens distintas, como plásticos, papeis, restos de alimentos, pneus,vidro, entre outros materiais, no entanto a fonte mais expressiva de lixo depositado são os plásticos. Estima-se que cerca de 85% de todo lixo encontrado nos mares e oceanos é composto por plásticos como é o caso do item que mais encontramos na praia de São Vicente durante nossa ação de limpeza: a BITUCA DE CIGARRO.

A imensa maioria dos cerca de 5,6 trilhões de cigarros produzidos anualmente em todo mundo vem com filtros feitos com acetato de celulose, um tipo de plástico. Essa substância leva mais de 10 anos para se decompor e, durante esse tempo, a bituca libera diversas substâncias tóxicas que estavam retidas no filtro, como nicotina, chumbo e arsênico.

Tão importante quanto ter consciência e descartar o lixo corretamente é conscientizar as pessoas ao nosso redor sobre como nossos hábitos e atitudes afetam o meio-ambiente, a biodiversidade e, consequentemente, o equilíbrio do planeta em que vivemos.

 

#DiaMundialDaLimpeza #WorldCleanupDay #LetsDoIt #LetsDoItBrasil#LixoNoChãoNão #LimpaBrasil #Cigarro #BitucadeCigarro #Consciência #Educação #EducaçãoAmbiental #Ação #AçãoAmbiental #AquáriodeSãoPaulo