Conservação na gestão ambiental


Aqui no Aquário de São Paulo, aderimos e promovemos atitudes sustentáveis em nossa rotina de trabalho.
Atualmente nossas principais frentes de trabalho são:

 

Descarte correto 

O projeto de descarte correto tem como objetivo dar fim correto e sustentável aos produtos utilizados aqui no Aquário de São Paulo, tais como: pilhas e baterias, cartuchos de impressora, medicamentos vencidos, lâmpadas fluorescentes e óleo de cozinha.

Também reciclamos todo o óleo e esponjas de cozinha utilizado em nossos restaurantes, lanchonetes e refeitório dos funcionários. 

1

Compostagem 

Aqui no Aquário possuímos uma composteira, que reduz o nosso descarte de lixo orgânico. A compostagem é o processo de reciclagem da matéria orgânica que propicia um destino útil para os resíduos orgânicos, evitando sua acumulação em aterros e melhorando a estrutura dos solos.

Esse processo permite dar um destino aos resíduos orgânicos domésticos, como restos de comidas e resíduos do jardim. Além de proteger o ambiente por produzir menos lixo orgânico, fazer compostagem ainda permite obter um produto de grande valor – o composto – um ótimo fertilizante natural.

 

 

Reutilização da água 

Possuímos uma parceria com a empresa Alfamec, a qual conseguimos uma estação de tratamento de esgoto e fazemos a captação da água da chuva. Após receber o devido tratamento, a água é novamente utilizada em plantações e nas descargas de nossos banheiros.

2

 

Lâmpadas de LED

Presando pela economia de energia, nossa infraestrutura conta com lâmpadas de LED que proporcionam até 80% de economia de energia em comparação com as soluções de iluminação tradicionais e requerem o mínimo de manutenção devido à vida útil extremamente longa. A vida útil é muito superior as suas equivalentes incandescentes ou fluorescentes.

 

 

Compensação de carbono

O IBDN (Instituto Brasileiro de Defesa da Natureza) é uma ONG especializa em neutralização de carbono. Além de calcular a quantidade de carbono emitido por nossas atividades como energia, transporte e lixo, o IBDN também ficou responsável em realizar o plantio anual de cerca de 380 mudas de árvores nativas para compensação do carbono.

O plantio é uma solução para reduzir os problemas associados às mudanças climáticas visto que, uma de suas funções das árvores, é fixar o carbono nos troncos, galhos, folhas e raízes. E, além disso, liberar oxigênio (O2) na atmosfera melhorando a qualidade do ar.

carbono

Educação ambiental

A educação ambiental é utilizada como uma ferramenta de conservação.

Durante o passeio de grupos, turmas escolares e visitantes, são transmitidas informações sobre sustentabilidade, curiosidades sobre os animais, além de ressaltar o quanto os impactos no meio ambiente interferem na vida das espécies.